sexta-feira, janeiro 08, 2010

Do mar ou outra, mas que seja nossa!



Iniciamos já amanhã um novo capítulo para enterrar de vez o Finnis Patria.

Vamos descobrir de novo a Distância.A "nossa", mas que seja verdadeiramente nossa!

Forças não nos hão-de faltar

1 comentário:

Euro-Ultramarino disse...

Caro Amigo:
Esta fotografia esmaga o coracao. Retrato chapado do fechar de um ciclo iniciado na glória e terminado na ignomínia. Comecado pela honra e pelo heroismo, fechado pela traicao e pela cobardia. E para a canalha abrilina, que importam os milhoes de vítimas - mortos, estropiados, atirado à miséria, à indigência? Nada. Rigorosamente nada. Fascistas e colonialistas a abater. Negros, mesticos e brancos... "Collateral damage", quando muito. Dívida aberta, com juros e multas infinitos. Quem se anima a cobrá-la???
Um forte abraco.