sexta-feira, julho 04, 2008

Os risos dos fautores


2 comentários:

Euro-Ultramarino disse...

Meu Caro Manlius,
Ao rever tal galeria de patifes, quase au grand complet, confesso-lhe que não pude conter os vômitos.
Pese a distância temporal e física, a figadeira reage com a mesma indignação.
Um abraço.

Anónimo disse...

Eis a canalhada plasmada para a posteridade.
Todos travestidos de políticos íntegros. Todos criminosos, todos traidores, todos corruptos, todos ladrões. E a enormíssima maioria, abusador.
Maria