quinta-feira, março 12, 2009

Hipócritas – III

Ou a europinha dos esquerdalhos e direitinhas no seu melhor.

A cadeia franco-alemã Arte anunciou na passada 2ªa feira que tinha suspenso todas as operações de co-produção com a televisão pública polaca (TVP - Telewizja Polska), devido a não partilhar os mesmos “valores” que o seu novo Presidente, o advogado Piotr Farfal.

O presidente do canal Arte, Gottfried Langenstein, e o da Arte França, Jérôme Clément, dirigiram uma carta à KRRiT, autoridade de audiovisuais polaca, em que declaram não “partllhar os valores do partido que indicou o Sr Farfal para Director do tal canal público”. Mais dizem que não pretendem que o Sr. Farfal faça parte dos órgãos dirigentes da Arte (apesar de também ele ser um dos pagantes do canal) Ou seja defenestram a TVP (mas aceitam-lhe os carcanhóis, é claro) porque é dirigida por um “fascista”, da Liga das Famílias Polacas.

Ou seja se ele tivesse sido maoísta, trotskista, bombista, comunista, bufo da polícia política comunista, tudo bem (era dos bons). Como não é (nem foi) nada disso e anda metido com Partidos Nacionalistas é um ser desprezível que não merece sequer ser par dos europeuzinhos bons (dos tais da federastia, os puros e duros democratas anti-fascistas e anti etc…)

Hipócritas. É por essas e muitas, mas mesmo muitas, outras que cada vez me empenho mais no apoio ao Humberto Nuno.

1 comentário:

Ricardo Jorge disse...

Agora sim! Com o senhor Farfal, a TVP poloca vai ser uma farfalheira, igualzinha à nossa. Quem pensa que as TEVÊS são feitas para programas culturais, educativos ou de informação está enganado.
Quem pensa que nas TEVÊS cabem todos aqueles que não são os senhores Farfales, está enganado.
O pessoal só tem direito quando muito ao futebol, telenovelas, assistir ao circo das assembleias e às mentiras que chegam de Bruxelas, ou não fossem judeus todos os Farfales da alemã ARTE.